Skip to content

Como é o mercado de trabalho para desenvolvedores (TI)

Last updated on 13/04/2024

Veja neste artigo como é o mercado de trabalho para desenvolvedores/programadores (TI) atualmente (2024).

  • Estágio precisa estar cursando ensino superior ou técnico (quase ninguém pega estágio de TI só com nível técnico, muito raro, pra não dizer impossível), se o curso não se enquadra em nenhum dos dois, você não vai fazer um estágio, provavelmente é uma vaga “informal” (sem direitos e beneficios) ou talvez até uma vaga formal (CLT), precisa ver em detalhes o que te prometeram.
  • Estágio e vaga para primeiro emprego sempre foram escassos, agora (2020 pra frente) tem muito mais gente querendo, ou seja, a concorrência para o que já era pouco, aumento. Vaga de sênior tem sobrando, você não vai virar sênior porque estudou mais ou porque fez mais cursos, você vai virar sênior quando passar pelas experiências que aquela vaga X ou Y de sênior precisa, muita gente vai passar 10, 15 anos trabalhando na area e mesmo assim não vai ser qualificada para aquela vaga…
  • Saber programar é o mínimo, não o máximo para ser um programador. Só saber programar não vai te garantir emprego. Do mesmo modo que você saber escrever não te faz escritor, saber fazer a própria comida não te faz chef de cozinha e etc…
  • O mercado está aquecido a uns 10 anos ou mais, com a pandemia inflacionou ainda mais, mas já estamos voltando ao normal, o problema é que teve muita gente que caiu de paraquedas (como sempre teve, mas muito mais agora) e esses vão ficar desempregados mesmo.
  • Depois que você quebrar a barreira do primeiro emprego, você consegue arrumar emprego facilmente.
  • São de 6 meses a 2 anos de estudo para adquirir conhecimento necessário para um emprego fixo, isso não significa que em 2 anos você vai estar empregado, você pode não ter capacidade de absorver ou demonstrar o conhecimento estudando 3, 4, 5 anos e continuar desempregado, assim como você pode conseguir um emprego em 3 meses (já vi relatos, mas não sei se eram reais e nem o que a pessoa considerou com “3 meses”)
  • Muitas empresas ainda pedem diploma ou que pelo menos esteja cursando, muitas outras não. Você vai concorrer com essa galera, então se não vai fazer o curso superior, precisa se destacar de outra forma dos demais.
  • Salário de primeiro emprego varia de 1,5k (ou o SM vigente – SM = salário mínimo) até uns 3k (se for CLT, se for PJ multiplique por 1.8 ). A partir do segundo emprego, você sendo junior você vai receber entre 2k e 4,5k. Você vai ser junior em média de 3 a 5 anos. Só então vai virar um pleno (não estou considerando empresas pequenas que promovem os funcionários ano a ano, com um pequeno aumento, apenas para alimentar o ego da pessoa e segurar ela na empresa com um baixo salário, estou falando de emprega que segue o padrão de mercado). Existem vagas de JR de 6,5k CLT, esse tipo de vaga geralmente não é pra primeiro emprego e nem para pessoas que estão preocupadas com emprego/salário, são geralmente para pessoas que já estudam programação desde a infância/adolescencia e fazem por que gostam de verdade.
  • Senioridade não é definida por QUANTIDADE e sim QUALIDADE.
  • Pleno vai ganhar por volta de 6k a 9k CLT (ou o valro CLT multiplicado por 1.8 se for PJ)
  • Sênior não depende só de tempo, mas de outras coisas, não dá pra estimar quando alguém vai virar sênior, como dá pra fazer com pleno. O salário de um sênior em SP gira em torno de 12k a 18k CLT.
  • Se você falar inglês, consegue vaga remota pagando inicialmente uns 3k dólares (a partir do momento que for pleno), o que daria uns 15k BRL PJ, ou seja, praticamente a mesma coisa que ganhar 8,3k BRL CLT…raramente uma vaga remota para america latina vai pagar o mesmo valor que paga para um local, a ideia é baratear os custos mesmo (a menos que você faça algo muito específico que pouquíssimas pessoas fazem e interessa para aquela vaga/empresa, ai você vai receber o mesmo que um local, mesmo remoto)
  • Se você estiver disposto, e conseguir uma vaga fora, ai já vai ter outra vida, com salário e qualidade de vida bem melhor…

Published inCareer

Be First to Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *